Terapia de Vidas Passadas e Pesquisa Científica da Retrocognição

Acesse meus ensaios sobre minhas experiências retrocognitivas, de terceiros e implicações científicas.

Conscienciologia, Projeciologia, Experiência fora do Corpo, Projeção Lúcida (Astral)

Acesse meus ensaios sobre minhas primeiras experiências extracorpóreas ainda no útero de minha mãe até minha idade atual.

Holocosmologia, Samadhiologia (Serenologia), Função psi-ómicron, Yôga, Tao, Meditação

Acesse meus ensaios sobre a Holociência e o método para o acesso holocósmico.

Ufologia Avançada, Parapsicologia Experimental (psi-ómicron) e Autoexperimentação Parapsíquica

Acesse meus ensaios sobre a correlação entre os fenômenos psi-ómicron, a Ufologia Avançada e experimentação direta.

28.5.20

Quem sou Eu? Evidências de uma Conscienciologia Experimental.

Fernando Salvino (M.Sc)
Parapsicólogo Clínico, Psicoterapeuta (Espaço Tao, HU-UFSC)
Conscienciólogo e Projeciólogo
Prof. Tai Chi Chuan, Qi Gong e Meditação

    Uma apresentação acerca de quem eu sou poderia ser simplificada dizendo o meu nome, o que faço, filiação, se tenho filho ou não, se sou casado ou não, onde moro, minhas qualificações acadêmicas, quantos artigos publiquei, onde publiquei, e assim por diante.

    Porém, este espaço visa justamente investigar a natureza verdadeira, autêntica do si mesmo (autopesquisa avançada ou parapsíquica), e minhas conclusões muito embora sejam sempre esboçantes ou rascunhos, me levaram a uma resposta um tanto esclarecedora e um tanto perturbadora para muitos, cientistas da área ou não.

    Eu não sou nada do que citei acima. Eu não sou meu nome (pois poderia ter outro nome e mesmo assim ser quem sou), não sou o que faço (eu faço o que faço, porém se parar de fazer o que faço ainda sim permaneço sendo quem sou), não sou filho de meus pais (eu estou filho deles, pois poderia ser filho de outros pais e mesmo assim ser quem sou), ter ou não filhos não muda quem eu realmente sou; e da mesma forma casado ou não é uma condição temporária que posso estar ou não; do mesmo modo onde moro, onde vivo ou mesmo se publiquei artigos ou não, isto não diz respeito a quem sou, pois eu poderia não publicar nada e ainda sim ser quem eu sou. O número de títulos que eu tenho e tudo o que parece dizer quanto a quem eu sou, de fato, não dizem nada sobre quem eu realmente sou, pois eu não precisaria ter titulo algum para ainda si ser eu mesmo.

    E ainda para finalizar esta constatação fundamental, a foto acima não revela quem eu sou. Inicialmente porque eu não sou a imagem que se mostra. A imagem é uma projeção distorcida de quem eu realmente sou. Eu também não sou homem, muito embora não sou gay, ou hetero, ou homo, ou qualquer condição temporária. Eu posso estar nestas condições temporárias, porém, não deixaria de ser quem eu realmente sou caso fosse mulher, ou homosexual, ou bissexual. O gênero e a chamada opção sexual podem mudar, sem que eu mesmo mude. Eu serei sempre eu mesmo apesar das alterações de gênero e opções.

    Porém, obviamente que diz de mim as opções que escolho para minha vida. Diz de mim o que faço, com o que trabalho, como recebo dinheiro, como gasto, como vivo, onde vivo, as titulações que tenho, o número e o que escrevo, com quem me relaciono, meus amigos, etc. Tudo isto diz de mim, porém, mesmo se eu modificar todas as opções acima, ainda sim continuarei ser eu mesmo.

    O erro fundamental do ser humano é confundir o ser com o não-ser. Confundir o que temos com o que somos. E isto inclui a personalidade, que é sempre transitória, apesar do si mesmo permanecer o mesmo. Eu posso ter sido um criminoso no passado, em outras vidas e se nesta não sou mais, e se nesta sou uma pessoa de bem, quem sou eu? Eu sou justamente o que permanece o mesmo apesar da mudança.

    Dito isso quem eu sou?

    Eu sou o que permanece o mesmo apesar da mudança.

    Eu sou o que você não vê. E o que você vê não sou eu. O que você vê de mim, ou seja, o comportamento, o corpo, a expressão facial e tudo que pode ser de algum modo percebido diretamente, não sou eu mesmo.

    Eu pareço até para mim mesmo ser o que sinto, o que penso, o que escolho, o que desejo. No entanto, eu posso não sentir determinada coisa, ou parar de pensar, escolher outras coisas, e desejar menos ou interromper temporariamente o desejo, e ainda sim permaneço sendo quem realmente eu sou.

    Eu sou justamente o que não muda, apesar da mudança parecer ser quem eu realmente sou. A lembrança de várias e várias vidas passadas que realizei me esclareceram deste ponto. Eu fui homem, mulher, índio, indiano, chinês, tibetano, inglês, americano e no entanto, e apesar destas radicais mudanças, eu estou aqui e sou o mesmo imutável dentro da mudança. Alma? Espírito? Consciência?

    Eu sou invisível até para mim mesmo. Eu sou pura consciência sem corpo, livre e abraçada, holofundida, entrelaçada no Universo ou Holocosmo. Eu sou você, você sou eu.

    Caso você tente olhar para mim e me procurar, você não vai me achar. Eu mesmo não me achei nestas décadas de meditação. Isto porque eu não sou algo. Eu não sou átomo, matéria, corpo ou objeto palpável. Quando eu mergulho profundamente dentro de mim eu nada encontro. E quando nada encontro, eu me localizo. Este local é não-local. Ele não existe localmente, objetivamente. E quando me encontro, encontro o universo em mim. Na profundidade de mim mesmo não existe um "eu" e sim o próprio universo.

    A minha natureza última é Universal.

    Eu sou o Universo, o Universo sou eu.

    Eu sou Brahmam.

    Você é Brahmam.

    Somos Brahmam.

    Somos o Universo.

    Somos uma só Família.

    11.12.19

    Agradecimento a todos os leitores do Diário!! Mais de 200 mil acessos em 124 países!

    Queridos leitores deste Diário de um Parapsíquico!

    Ao longo dos anos este blog se tornou meu Diário e nem percebia isso. Com o tempo foi ficando evidente que esta é a fonte mais primária de tudo que já pesquisei e publiquei. Concentrei tudo que escrevi e escrevo aqui neste espaço. Isto facilita para mim e para você. Pelo campo de pesquisa de palavras-chave você encontra o que necessita. Pelo exame mais detalhado dos ensaios por ondem cronológica você acompanha minha vida como pesquisador e como pessoa. Esta é minha tarefa nesta vida, expor tudo de forma a mais clara, científica e lúcida possível, não omitindo, não aumentando, não diminuindo, apenas expondo a verdade que está ao meu alcance para que todos possam também ter livre acesso das realidades parapsíquicas e transcendentes, além desta vida humana.

    Do ano mais antigo até o atual ano de 2019, os ensaios passaram por um processo de maturação, no encadeamento de posições, cada um sendo uma posição, fluindo e fluindo. Se o leitor ler do mais antigo para o mais atual, poderá sentir de forma direta o processo orgânico e profundo que passei, o qual se revelou na mudança de campos de pesquisa, percepção de mim e da vida, autoconhecimento mais profundo e mais que isso, o acesso dos ensaios pelo planeta afora, saindo da prisão restrita de meu computador para o mundo! O universalismo da internet é incomparável. Pessoas do planeta todo que tenham link acessam a rede e podem acessar os conteúdos aqui expostos. E isto abre nosso pequeno universo à humanidade. O computador e a internet estão acabando com os livros impressos e o monopólio das editoras, os custos exorbitantes de publicação, os custos absurdos com registros da obra e com a elitização dos autores! Hoje estamos vivendo um aumento significativo de autores que se lançam e publicam suas obras, como em breve será meu caso. E o blog entra neste campo como recurso dinâmico e rápido de publicações, livre de formalidades que tornam a ciência um campo elitizado e com pouca ramificação social.

    E completamos mais um ano e já com mais de 200 mil acessos em 124 países pelo Planeta!

    E lancei meu canal do Youtube e também com mais de 600 inscritos e já com mais de 18 mil visualizações pelo Brasil!

    Em breve, espero que ano que vem, 2020 seja o ano de lançamento de alguns livros que estão no "forno". Todos serão em formato e-book, de forma a facilitar a propagação e o acesso!

    Serão aproximadamente 4 obras ao todo que serão publicadas os próximos anos:

    1. Sobre o Estado Vibracional
    2. Sobre a Projeção lúcida para fora do Corpo
    3. Sobre os Princípios e as Unidades Irredutíveis
    4. Sobre a reunião de ensaios de Holocosmologia aqui do Diário.

    E após estas uma especificamente de Retrocognição (lembrança de vidas passadas).

    Este ano de 2020 será novamente um ano de publicações no Diário conjuntamente com o Canal do Youtube (www.youtube.com/DrFernandoSalvino).

    Desejo as melhores energias a todos!! E meu muito obrigado!!

    Fernando Salvino.











    17.6.19

    ANIVERSÁRIO DE 10 ANOS DO "DIÁRIO DE UM PARAPSÍQUICO"!

    1º ensaio do Blog em 2009.
    Por Fernando Salvino


    Anivérsário de 10 anos do Blog!

    Em 2003 resolvi começar a esvaziar meu computador e sair do isolamento de ter meus escritos restritos ao meu acesso. O primeiro ensaio que publiquei em 2003 foi "A GÊNESE DO COSMODIREITO: ENSAIO SOBRE OS FUNDAMENTOS DA ORDEM CÓSMICA". Isto foi após tê-lo sido rejeitado para apresentação de um evento de Conscienciologia, pela UNICIN. E como foi ótimo! A censura expressa daqueles julgadores, a falta de argumentos para me demonstrarem as razões para o não aceite do ensaio libertou-me! Resolvi caminhar com minhas pernas e começar a publicar sem intermediários presos a uma doutrina e a uma instituição. Nasce com isso a Biblioteca Digital de Ensaios, onde ainda armazeno os ensaios em pdf (clique aqui).

    E acontece que se passaram exatos 16 anos de pesquisa ininterrupta, livre e totalmente independente de quaisquer instituições de pesquisa e educacionais. Cresci como pessoa e espírito, na relação com talvez milhares de pessoas, pacientes, alunos e no dia a dia de uma rotina dedicada integralmente a assistência interconsciencial como Parapsicólogo Clínico, Psicoterapeuta e Prof. de Qi Gong e Tai Chi Chuan, pai de 2 filhos e amante da própria família. Cresci como pesquisador, cresci em discernimento e afeição pela humanidade. E a pesquisa tem sido um dos métodos mais eficientes para minha evolução e daqueles que me relaciono.

    Hoje é um dia especial, o dia que se completam 10 anos em que resolvi abrir mão de toda a burocracia científica que ainda estava preso ao publicar os ensaios num modelo mais ou menos padrão, em formato pdf, o qual passei a publicar tudo direto num blog e publicar sem quaisquer revisão. Isto foi em 2009, quando resolvi publicar a técnica que usava para sair de meu corpo aos 5 anos de idade. O título original era: Quer sair do corpo? Imite o super-herói americano!

    E com alegria e serenidade, de ter completado parte de minha tarefa nesta vida, a de dar publicidade explícita livre ao máximo de quaisquer censura institucional ou paradigmática, de um nível de investigação que visa, antes de tudo, a elucidação da natureza da realidade em que estamos imersos e somos!

    Gratidão a todos vocês que cooperam com meu trabalho e fazem parte da comunidade internacional que lê este PARA-BLOG!

    As melhores, sinceras e benevolentes energias!

    Fernando Salvino
    17.06.2019

    22.4.19

    6.4.19